27 de fevereiro de 2013

{ DIY } .. Um convite ao Jardim de Verão da Matilda


Vira e mexe descubro um novo passo a passo na internet. Muitos são de “fora” e escritos em inglês. Confesso não dominar a língua tão bem quanto meu sobrinho, Nicolas, de quase 3 anos! Rs! Mas vou me arriscar em uma tradução descompromissada com o intuito de compartilhar uma dica muito delicada para convites de festa.

O ano é 2010, o local é o quintal de casa, o tema da festa é “Jardim de Verão” e a aniversariante chama-se Matilda, que completa 1 aninho! A mamãe preparou tudo com muito amor, do vestido da pequena aos convites que levaram o mesmo tecido do vestido! Um encanto, não é mesmo? Lindsay, a mamãe, é esposa, mãe de 3 filhos e verdadeiramente apaixonada pelo estilo de vida artesanal. Ela postou no seu blog, “The Cottage Home”, todos os preparativos da festa que ganhou os tons vibrantes de azul e verde.

Gostei tanto que resolvi traduzir e postar aqui a fim de inspirar uma mamãe, uma noiva, uma aniversariante ou quem queira enviar um recado com muito carinho. Vamos lá?



TÉCNICA: A técnica usada por Lindsay é a costura de tecido sobre papel. A escolha do papel e do tecido certos trazem classe e elegância para essa técnica bastante fácil de ser executada. 

O PAPEL: O tipo de papel mais indicado para fazer convites são os mais grossos, com gramatura 180 ou 240. Eles são facilmente encontrados em papelarias especializadas. As cores claras destacam mais a estampa do tecido e são mais indicadas para festas infantis. Mas, de acordo com o tema da sua festa, a cor pode ser motivo de mais criatividade e significado. Como você vai comprar folhas no tamanho A4 (21 x 29,7 cm), o ideal é cortá-la ao meio na maior medida, obtendo dois pedaços de 21 x 14,85 cm. Depois é só dobrar ao meio para ter seu convite quase pronto! O aproveitamento será de 2 convites para cada folha A4. Cada convite medirá 14,85 x 10,5 cm depois de dobrado.



COMO FAZER A PARTE EXTERNA: {1} Lindsay conta que aplicou no avesso do tecido uma entretela a fim de dar mais firmeza para a costura, evitando que ele enrugue ou crie pregas. Uma sugestão é usar as entretelas de gola de camisa que são encontradas em lojas de tecidos. Faça assim: corte um pedaço de tecido um pouco maior do que o que será usado e aplique a entretela no avesso do tecido usando o ferro. Depois, corte na medida exata de 14 x 9,5 cm com a ajuda de uma régua e um cortador circular. Se não tiver, risque com lápis e régua no avesso (sobre a entretela) e depois corte com uma tesoura. {2} Depois de cortado, Lindsay colocou um pedacinho de fita dupla-face sobre o convite já cortado e dobrado e posicionou o tecido bem no meio. A fita dupla-face ajuda a manter o tecido no lugar certo na hora da costura. {3} Ajuste a máquina de costura para o ponto zig-zag, coloque uma linha de costura na cor preferida e costure por toda a volta do tecido, começando por um dos cantos. E, pronto, está feito! Se você prefere escrever o texto à mão, pode parar neste passo. Se prefere imprimir o texto e depois aplicar na parte interna, passe para o próximo passo.

COMO FAZER A PARTE INTERNA: {1} Repita o processo anterior costurando um pedaço de tecido com a mesma medida na parte interna do convite. {2} Prepare o texto do convite no computador e imprima em casa mesmo (ou pode levar em uma gráfica rápida, claro! Rs!). Corte de forma que cada texto ocupe um box de, no máximo, 11 x 7 cm. O objetivo desse corte é não esconder o tecido que já está costurado. {3} Cole um pedacinho de fita dupla-face sobre o tecido e posicione o texto bem no meio. {4} Ajuste a máquina de costura para o ponto reto, coloque uma linha de costura na cor preferida e costure por toda a volta do papel, começando por um dos cantos. E, pronto, está feito! 

PREPARANDO O TEXTO: Lindsay conta que usou o software Adobe InDesign para preparar o texto do convite. Mas ela complementa sugerindo que, se você não o domina, pode usar o Adobe Photoshop ou o Microsoft Word para conseguir o mesmo efeito.

. . . com esse passo a passo em mente . . .

COLOQUEI A MÃO NOS TECIDOS E PAPEIS e fiz dois para usar como cartão. Mudei alguns detalhes e adorei o resultado!



No primeiro somente substituí a entretela pelo papel termocolante (Heat´N Bond Lite), que colou super bem no papel grosso, e fiz um detalhe com carimbo de scrap. Mas é importante ser brevíssima... o papel comum enruga quando passado à ferro. No segundo coloquei a criatividade para aflorar! Remexi no saco precioso de retalhos, emendei alguns com ponto zig-zag, colei no papel termocolante e por último colei sobre o papel grosso e passei a costura por toda a volta. Simplesmente, AMEI DEMAIS e já estou com vontade de fazer vários! Penso ainda que a mesma técnica pode ser usada para fazer marcadores de página... Perfeito, você não acha? =)

Espero que aproveite e faça lindos convites, cartões e marcadores de página. 
Tudo que é feito por nós, com amor, tem muito mais valor!

Com carinho, 
Gi

. . .

Link direto para a postagem original no blog The Cottage Home:

Link direto para o vestido da Matilda: