Passo a Passo: Tingimento com chá

Adoro usar rendinhas de algodão nos meus trabalhos pois elas dão um charme todo especial! E na maior parte dos meus tecidos o tom que mais combina não é o branco e sim o bege bem clarinho (cru).

Como ultimamente tenho tido grande dificuldade de encontrar um modelinho do meu agrado e que seja bege, resolvi comprar branca e tingir! Nunca tingi coisa alguma, apesar de saber que muita gente tinge até tecidos por aí! rs! Minha mãe sempre diz que "a necessidade faz a mulher"... pois digo também que a necessidade faz uma crafter!! E me aventurei no tingimento! Gostei tanto do resultado que é com prazer que divido com vocês. Vamos lá?

Você vai precisar de
1) Rendinha 100% algodão branca: tingi 6 metros com essa "receita"
** Comprei uma peça de 20 metros na Aslan da marca Paraíba (ref. 318228) **
2) Chá preto: 2 saquinhos 
** É claro que não usei um chá "the best"! rs! A marca chama Madrugada e o "sabor" é de chá preto com canela. **
3) 1 litro de água

Como fazer:
1) Ferva a água em uma panelinha pequena e coloque os dois saquinhos do chá para diluir. Nessa hora a cor da água mudará para um tom de amarelo bem lindo! 
2) Desligue o fogo e coloque a rendinha dentro da panelinha formando círculos para que não crie muitas dobras. Repare na última foto à direita, os saquinhos de chá no centro e a rendinha dando voltas.
3) Deixe a rendinha dentro da panelinha até a água esfriar. 
4) Com a água fria, retire a rendinha da panela e pendure no varal ou seque com o ferro. E está pronta para ser usada! 

Na foto maior vocês podem ver: mais acima a rendinha branca, no centro a rendinha bege original de fábrica e abaixo a rendinha tingida com chá. A cor não fica exatamente igual a da fábrica... ela puxa para um tom mais rosado enquanto a original é mais amarelada. Mas confesso que só dá para perceber se colocar uma ao lado da outra. Resultado: fantástico e aprovadíssimo! Não tem erro! É fácil, fácil!

Quem sabe agora eu me aventure a tingir um tecido...

Bom tingimento! Boas costuras!
Espero que tenham gostado!

Com carinho,
Gi