1 de outubro de 2014

Mug Rug, o tapetinho de caneca

Hoje é oficialmente meu primeiro dia de licença maternidade. Nosso pequeno ainda não nasceu, o que deve ocorrer dentro de duas semanas, mas precisava "parar" para terminar todos os preparativos pra chegada dele, como arrumar a malinha da maternidade, mais algumas coisas em casa... enfim, sossegar para esperar por ele bem tranquila.

Mas, mas, mas, não pretendo abandonar o blog até meu retorno no próximo ano, e para começar essa nova fase compartilho com vocês o PAP do Mug Rug que originalmente ofereci para a edição de inverno da revista craft e cia. Espero que possam aproveitar bastante!

E para ver a edição de inverno completa da revista craft e cia, acesse o link abaixo:

. . .

Mug Rug - O tapetinho de caneca que vai inspirar bons momentos!

A estação mais fria do ano chegou e com ela nosso desejo por uma bebida quentinha sempre por perto só aumenta. Não importa onde estejamos... No ateliê costurando, no escritório de trabalho, no sofá da sala lendo a craft e cia ou na cama antes de dormir, em todo lugar podemos ter um charmoso Mug Rug para compor o cenário e acomodar nossa caneca com chá, café ou chocolate quente! E ainda sobra espaço para um biscoitinho... que tal?

O Mug Rug, ou tapete de caneca, é um tipo de mini jogo americano ou de porta-copos mais elaborado. Ele geralmente vem decorado com tecidinhos coloridos, botões e rendinhas e é perfeito para encantar o seu inverno. Capriche na escolha dos detalhes e faça o seu e muitos outros para presentear as amigas!

Materiais
Tecidos 100% algodão em cores e estampas variadas; entretela (a mesma usada para gola de camisa); manta R2; feltro; botões; rendinha de algodão; linha de bordado; linha de costura; agulha de mão e/ou máquina de costura.

Como Fazer
Com um lápis, risque na entretela um retângulo de 23cm x 15cm. Depois, risque linhas diagonais com ângulo de 45º e largura de 3cm. Corte os tecidos escolhidos em tiras de 5cm (ou faça algumas com 10cm) e costure uma a uma sobre a entretela passando o ponto reto sobre o risco do lápis – comece costurando por um dos quatro cantos. Risque um coração sobre o feltro, corte e borde com ponto caseado e linha de bordado sobre as tiras já costuradas. Aplique os botões com linha de bordado sobre o coração de feltro. Aplique a rendinha de algodão sobre uma das tiras, no canto oposto ao coração. Corte na manta R2 um retângulo de 23cm x 15cm. Para o forro, corte no tecido um retângulo de 23cm x 15cm. Com o ferro, una o forro e a manta R2. Sobre a manta R2 posicione a parte das tiras costuradas com a entretela e alfinete. Prepare um viés de 4.5cm no tecido de algodão ou use viés de rolo. Aplique o viés por toda a volta da peça fazendo canto mitrado nos ângulos de 90º (ou arredonde os quatro cantos antes de costurar o viés). 


Dica para o viés!
Aprenda a fazê-lo com tecido 100% algodão assistindo aos videos do artesão Marinaldo Ferreira:
Parte 1 | http://youtu.be/ESvTjKYIGHQ
Parte 2 | http://youtu.be/5GTTV9VxrP8

. . .

Com carinho,
Gi

2 de setembro de 2014

Mudanças à vista!

É tempo de mudanças por aqui... e esse é o motivo de há tanto tempo não escrever e aparecer por aqui. 

A barriga cresce-cresce e logo nosso pequenino estará por aqui, talvez mais uns 45 dias. O quartinho está nos retoques finais { mostro fotos em breve } e as roupinhas esperam por um bom 'banho' nos próximos dias. Aos poucos tudo vai ficando pronto.

E não é só essa a mudança, meu ateliê também está ganhando novos ares em um novo espaço da casa. É provável que não fique totalmente pronto até o baby nascer, mas tenho alguns meses de licença maternidade até voltar ao trabalho em Março do próximo ano. O espaço será menor e por isso estou tendo que quebrar a cabeça para acomodar tudo. No momento ando meio de 'cabelos em pé' com tanta coisa fora do lugar e com a necessidade de reduzir espaço e 'coisas costurísticas'. Tenho buscado inspiração no Pinterest e abaixo seguem algumas ideias para me animar e colorir o novo ateliê.

Foto 1 | Meu novo espaço será mais ou menos como esse, em formato de U. Gostei da bancada...
Foto 2 | Amei a estante com nichos para deixar os tecidos à vista!
Foto 3 |  Lindo fundo para as prateleiras.
Foto 4 | Prateleiras... preciso! hehe
Foto 5 | Cores lindas... vermelho e azul.
Foto 6 | Linda parede azul.
Foto 7 | Mais um tom de azul lindo!
Foto 8 | Prateleiras, tom de azul, mesa de madeira... meu sonho!
Foto 9 | Gostei desse painel azul com espaço para pendurar muitas coisas úteis.
Foto 10 | Mais prateleiras e uma boa bancada para a máquina e a base de corte.
Foto 11 | Mais uma ideia de uso para o painel de eucatex furado.
Foto 12 | Cantinho aconchegante... como espero que fique o meu! =)
Essas e outras fotos, com suas respectivas fontes, estão disponíveis aqui:

Olhando essas fotos com esses cantinhos tão charmosos, coloridos e bem projetados, dá sim para me imaginar no novo 'cafofo-ateliê'... rs! Não adianta chorar pelo que ficou para trás pois os motivos que me fizeram mudar são muito nobres e especiais e sempre me lembro que ruim seria não ter mais espaço algum para costurar em casa junto com a minha família. Quando tudo estiver um pouco mais organizado mostro fotos do resultado.

"... esquecendo-me das coisas que atrás ficam, 
e avançando para as que estão diante de mim, 
prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana 
vocação de Deus em Cristo Jesus." 
Filipenses 3:13-14

Beijos,
Gi

17 de junho de 2014

Gerenciando retalhos de tecido

Começamos um trabalho separando o molde, escolhendo os tecidos, passando a ferro, cortando e costurando cada um deles por um longo tempo... No final, além de uma linda peça pronta, temos mais algumas sobras de tecido para a "coleção". Ou será que é só aqui no meu ateliê que isso acontece? Tenho certeza de que não é bem assim... rs!

E é justamente sobre esse assunto que escreveu Jeni Baker em sua coluna Stitching Notes para a última edição (nº 9) da revista Love Patchwork & Quilting (editora Future). Ela começa assim: "Hora de encarar os fatos... você precisa de um curso de gestão de retalhos!". Muito me identifiquei, e acredito que você também, tanto que resolvi fazer uma tradução descompromissada do texto e compartilhar aqui na intenção de trazer mais algumas dicas e sugestões preciosas de quem entende do assunto.

Fonte: https://www.flickr.com/photos/7636984@N03/480394594
"Retalhos de tecido - todas nós passamos por essa parte inevitável do processo de costura. Quando você começa a costurar pode até não estar pensando sobre a possibilidade dos retalhos, mas quanto mais costurar mais importante é ter um sistema de gestão dos mesmos. Eles podem muito rapidamente obter um volume gigante e ocupar uma surpreendente quantidade de espaço!

Armazenar retalhos de tecido é uma questão que pode ser resolvida de muitas maneiras diferentes. Eu, pessoalmente, tenho feito um pouco de tudo, desde a separação por cor e tamanho até por tipo de estampa. Ultimamente, o que tem funcionado bem para mim é simplesmente separá-los por tipo de estampa: sólidos todos juntos e as outras estampas armazenadas em conjunto. No entanto, a melhor maneira de armazenar depende de como você está planejando usá-los, e é aí que um sistema de gestão entra em jogo.

Planeje com antecedência - Como muitas coisas, penso que a parte mais importante da gestão de retalhos é ter um plano. Se os seus retalhos estão fora de controle, eu recomendaria ocupar algum tempo elaborando uma estratégia. Primeiro, considere o que gostaria de fazer com os seus tecidos. Há tantas opções! Você pode optar por planejar alguns projetos específicos, tomar uma decisão consciente de usá-los em um certo número de projetos, dar para uma amiga ou até mesmo vendê-los. Qualquer que seja a sua opção, tomar uma decisão fará com que o restante do seu planejamento seja mais fácil.

Usar ou perder - Se você tiver problemas para motivar-se a utilizar os retalhos como eu tenho, torne isso mais fácil: quando terminar um projeto, vá em frente e corte os retalhos em pedaços utilizáveis. Se você não tem em mente qualquer projeto, é bastante prático e útil cortá-los em quadrados de 2.5" ou 5" (são os tamanhos tradicionais dos chamados charm packs) junto com tiras de diferentes larguras. Quando for trabalhar com eles, a metade do trabalho já está feita!

Fonte: https://www.flickr.com/photos/35368186@N06/6760229445/
Eu uso meus retalhos para vários projetos, desde grandes colchas a pequenos coasters (porta-copos). Minha maneira favorita de usá-los é em bolsas e necessaires. Eu sou um pouco a "senhora bolsa" e adoro ter todos os tipos de pequenas necessaires e bolsinhas para colocar dentro da minha bolsa ou sacola - minha coleção está ficando um pouco ridícula, mas é divertido! Porém, com toda a honestidade reconheço que na maioria das vezes não uso os meus retalhos. Mas, em vez de guardá-los e me sentir culpada por isso, opto por dá-los - realmente é uma situação favorável para ambas as partes porque eu não preciso me preocupar com eles e eles ainda são amados e usados por quem recebe!"

Conheça mais e acompanhe o trabalho da talentosa Jeni Baker:
Blog | www.incolororder.com
Twitter | @jenib320
Facebook | In Color Order
Pinterest | Jeni Baker

Fonte: http://www.liberty.co.uk/blog/12437/guest-blog-kerry-green-sewing-portfolio-organiser/
Em breve farei uma nova postagem ensinando o passo a passo de um bloco com Nine-Patch desconstruído. É a técnica que estou usando na decoração do quartinho do meu pequenino e, além de encantadora e com um efeito super interessante, é fácil-fácil! Aguarde!

Beijos,
Gi

5 de junho de 2014

Turmas 4, 5 e 6

No mês de Maio tivemos 3 oficinas repletas de gente querida, muitas costurinhas, café quentinho e bolos gostosos! Vejam as fotos!

A Turma 4, com tema Capa Personalizada para Cadernos e Livros, aconteceu na tarde de sábado do dia 17 de maio com a presença de Roseli, Luana, Vanessa, Roberta, Fabíola e Juliana. Muito obrigada pela presença, meninas!!

A Turma 5, no dia 22 de maio, teve como tema as queridinhas Necessaires e seus segredinhos de acabamentos e colocação de zíper. Na primeira foto estão as duas peças confeccionadas em aula, uma necessaire mini e uma necessaire básica, e na foto seguinte a turma completa: Sara, Stellinha, eu, Maria de Lourdes e Pri. Muito obrigada pela presença, meninas!!


A Turma 6 aconteceu na semana passada, dia 29 de maio, e teve como tema as Capas Personalizadas para Cadernos e Livros. Não conseguimos tirar uma foto da turma toda reunida, mas seguem algumas fotos da peça feita, do kit com tecidos e projeto e das meninas em ação! Muito obrigada pela presença, Mari, Roseni, Tania, Mariana e Patricia!!





Aproveitando o embalo do post, gostaria de dar um retorno para quem tem entrado em contato comigo perguntando sobre a disponibilidade de venda dos kits de tecidos e dos moldes de projetos feitos nas oficinas. Infelizmente no momento não tenho condições de preparar os kits em maior quantidade e de adequar o projeto para uso fora das aulas... Quem sabe mais adiante isso seja possível! Mantenho vocês atualizadas sobre isso.

O Calendário de Oficinas deve ser atualizado em breve!

Beijos!
Gi

"Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor" .. Colossenses 3:23

23 de maio de 2014

Cozinha (e sala!) dos Sonhos

Só porque hoje é sexta, despeço-me da semana deixando com vocês a minha paixão do momento no quesito decoração de casa: a cozinha (e sala!) dos sonhos da Rita Lobo! Amo cada detalhe... Amo a cortina verde amarrada sem pretensão, amo a bancada de madeira, amo a parede verde escuro com riscos de giz, amo os pequenos utensílios das prateleiras, amo a parede cinza com pratinhos, amo a estante repleta de livros, amo o lustre pomposo sobre a mesa de jantar e amo, amo, amo, amo ao infinito o armário de "cubos" que vira praticamente um painel ao lado da mesa de jantar. 



E é justamente esse armário a minha inspiração pro final de semana... Como a família por aqui está crescendo, precisamos de mais espaço para guardar "as coisas de casa". A cozinha já está com as paredes completas (a não ser o desejo de arrancar os azulejos e pintar tudo com uma cor linda... rs!) e os quartos já têm armários cheios. Nossa saída será fazer sob medida um armário grande com cara de armário-painel "alá Rita Lobo" para compor a sala de jantar. A meta será tirar as medidas e desenhar os detalhes para depois chamar o santo-marceneiro Renato. Porque aqui a gente ataca até de arquiteta quando precisa! rs! 





Inspire-se você também! Não precisa ser uma grande transformação, não precisa gastar muito. Uma tinta colorida e um pincel na mão podem mudar a cara do seu quarto, da sala ou da cozinha. E que tal um tecido estampado para uma nova cortina na cozinha? E novas capas para as almofadas do sofá? Um charminho a mais para alegrar o final de semana com a família bem pertinho de você!

Beijos! Beijos!
Ótimo final de semana!
Gi